A SALA DE AULA COMO REFERÊNCIA DE CONVIVÊNCIA E DE APRENDIZAGENS

Com o objetivo de desenvolver capacidades relativas à representação do espaço, bem como conhecer a Linguagem Cartográfica, sob diferentes pontos de vista, foi proposto pela professora Elisabete Ferreira, aos alunos do 2.º Ano do Ensino Fundamental Anos Iniciais, como primeira parte da atividade, uma construção da maquete da sala de aula, com a participação das famílias. Segundo relatos das crianças e dos pais, foi muito significativa a experiência.

A leitura de mundo é fundamental para todos que vivem em sociedade, além de ser uma forma de exercitar a cidadania. Ao ler o espaço, faz-se também uma análise de marcas da vida que cada indivíduo traz consigo.

Para a realização da atividade, tomou-se como referência o contexto natural e social em que o aluno vive.  Nesse sentido, pode-se compreender, por exemplo, que as paisagens são resultantes da vida em sociedade, preponderando ações dos homens na busca de sobrevivência e de satisfação diante das necessidades.

Na segunda etapa da atividade, foi feita a planta da sala de aula, experimentando a vista de cima para baixo e visualizando o resultado da mesma. Todas as crianças se envolveram com muito interesse nessa etapa do trabalho.

A Criatividade foi a palavra chave. Reutilização de resíduos sólidos como marca principal.

Estão todos de parabéns!

Observe a exposição das maquetes: olhos atentos e encantados com os próprios trabalhos e admirados com os trabalhos dos colegas.

01 DSC00325 DSC00326 DSC00327 DSC00328 DSC00342 DSC00345 DSC03834 DSC03835 DSC03836 DSC03837 DSC03838 DSC03839 DSC03840 DSC03841 DSC03842 DSC03843 DSC03844 DSC03845 DSC03846 DSC03847 DSC03848 DSC03849 DSC03850 DSC03851 DSC03852 DSC03853 DSC03854 DSC03855 DSC03856 DSC03857 DSC03858 DSC03860 DSC03861 DSC03862 DSC03863 DSC03864