Ensino Médio no Lar São Vicente de Paulo: um olhar sobre os semelhantes

“Até onde você vai na vida depende de ser terno com os jovens, compadecido com os idosos, simpático com os esforçados e tolerante com os fracos e fortes. Porque em algum momento da vida você vai descobrir que já foi tudo isso.”

George Washington

Instituído em 1991 pela (ONU) Organização das Nações Unidas, o Dia 1.º de Outubro é dedicado aos Idosos. O objetivo é sensibilizar a sociedade para as questões do envelhecimento e da necessidade de proteger e cuidar da população mais idosa.

Transmitir carinho aos idosos, muitas das vezes esquecidos pela sociedade e pela família, é também uma das propostas que decorre das várias iniciativas que podem ser implementadas como forma de se exercer a cidadania e adquirir valores nas relações com os (as) semelhantes.

Em consonância com o Projeto Institucional do Colégio Arquidiocesano de Ouro Preto, articulado ao Programa da Escola da Inteligência e às premissas da Campanha da Fraternidade que, em 2018, versa sobre o tema: A arte de resolver problemas – “Pensar globalmente, agir localmente”, os (as) alunos(as) do Ensino Médio estiveram no Lar São Vicente de Paulo para também celebrar o Dia Internacional dos Idosos.

Foi um momento de reflexão sobre os valores cultivados e difundidos para cada um que lá esteve.  Além de ter sido uma oportunidade de conhecer as realidades dos assistidos e assistidas pelo Lar São Vicente, os alunos e alunas solidarizarem-se, articulando uma Campanha que resultou em expressiva arrecadação de biscoitos e leite para os(as) internos(as).

Somado à Campanha, os(as) discentes levaram muita alegria, ternura e música junto dos Seresteiros Trovadores de Minas.